02 agosto, 2008

Bolsa de trapilho

Bolsa em crochet, feita com algodão grosseiro, em ponto aberto.
O fio castanho é trapilho (desperdício industrial) que lhe dá este ar bem bonito (aos meus olhos é claro!). Está forrada e tem um bolsinho interior.
As alças foram feitas em ponto baixo em forma tubular, dentro delas passei um fio de trapilho para se tornarem mais resistentes e não esticarem com o peso que ela contiver.

Nem sempre as coisas correm como a gente quer, e, em vez de voltar em 2010 (como seria meu desejo) já voltei de férias. O post anterior era como que uma vontade enorme de tirar férias por tempo indeterminado... Mas quando abrimos os olhos e vemos o dia de regressar ao trabalho bem à nossa frente... Cai-nos (me) o mundo em cima.
Quem sabe um dia eu posso dizer que a minha profissão é ser mãe??
É que neste momento tenho mil e uma profissões, escusado será enumerá-las...
Mas a que faz entrar dinheirito ao final do mês tem-me ocupado tempo em demasia e o vencimento é cada vez menor, por incrível que pareça, não falo apenas da inflação, falo em redução visível em números, quando trabalho mais do que nunca trabalhei. Com isto eu não quero dizer que trabalhava pouco, sempre gostei de ser cumpridora, mas agora é até não poder mais, chegam a ser 10h diárias! E a família?? E a casa?? E EU!!?? Onde arranjo tempo para mim???
É por estas e outras parecidas que andado meio desaparecida...
O meu nick por aqui é absolutamentecalma, uma das coisas que me conseguia acalmar (sem medicação) eram as manualidades, mas sem tempo para coisa nenhuma vamos ver quanto tempo aguento sem dar entrada num hospício. Acho que me vão vencer pelo cansaço...
Volto por estas paragens assim que conseguir...

7 comentários:

glaucia disse...

nós mulheres conseguimos tempo pra tudo e mais um pouco. não sei como, mas conseguimos. que bom que voltou. bom pra nós que podemos ver seus trabalhos bonitos. abraços e bom domingo.

Mamã Martinho disse...

Ó Ana,

Parece eu que estava a ler a minha história. Também tem sido assim comigo, sem tempo nenhum, muito menos para as manualidades. Mas enfim, acho que isto é uma fase pelo qual estamos a passar e em breve tudo volta a entrar nos eixos. Assim espero!

Bjs

Mónica

PS- Não faço ideia porque não conseguis-te ver o meu blog. A mim dá-me tudo bem!

Cristal disse...

OI AMIGA! REALMENTE NÓS MÃES, ESPOSAS, MULHER EM GERAL TEMOS QUE NÓS ADAPTAR A SER MIL, MAS COM JEITINHO TUDO SE ENCAIXA , NO FIM TUDO DÁ CERTO...TENHA UMA LINDA SEMANA, BJOS...

Fatima Gouveia disse...

Olá Ana!
Cheguei de férias e vim fazer uma visitinha, e ver as novidades.
O tempo vai-se arranjando...não dá para fazer tudo, mas sempre se fáz coisas bonitas como essas bolsas que aqui encontrei.Parabéns.
Um beijinho e bom domingo
Mifá

Inez, como no tempo da vovó disse...

Ah querida, que bom que voltou, sou nova blogueira e adorei seu blog, linkei para poder visitá-la frequentemente
de uma poassadinha no meu quando vc puder
mil bjs

Nilda Biagio disse...

Olá
É isso mesmo, amiga...temos que nos virar em mil prá dar conta de tantas obrigações!!
Gostei muito de sua bolsa!
Bj
Nilda

ArtRock disse...

Um convite: Venha conhecer as minhas pequenas criações e faculte a sua opinião sobre as mesmas por lá ;)
Continuação de muitas e boas criações, tal como tem feito até agora,
Atentamente,

Telma Henriques

www.artrock-telma.blogspot.com